banner_vestibular_novo.jpg

TURISMO

dezembro 19th, 2013 | Posted by olga in Graduação

Autorização: Decreto nº 89.497 de 29/03/1984
Reconhecimento: Portaria Ministerial nº 168 de 08/03/1988
Início de Funcionamento: ano de 1984
Turnos de Funcionamento: Matutino e Noturno
Carga Horária: 3.000 horas
Duração Mínima: 08 (oito) semestres
Requisitos: Conclusão do Ensino Médio ou Equivalente

O Bacharel em Turismo deverá atuar em um mercado competitivo e em constante transformação, com
impacto profundo na vida social, econômica e ambiental das sociedades/ comunidades que oferecem
atrativos turísticos.

Exige-se do Bacharel em Turismo uma formação generalizada – no sentido de domínio de conhecimentos
sócio-culturais e ampla visão de mundo e conhecimentos afins – e, particularizada, através de
conhecimentos específicos como opção de formação profissional.

Esta formação deve contemplar as relações teoria x prática e as exigências do cotidiano profissional,
alicerçada em sólida formação humanista, satisfatória instrumentação e consistente formação específica
que oportunize domínio dos saberes, habilidades e competências requeridas. Estas preocupações
formativas deverão fornecer ainda auto-confiança, sensibilidade, determinação e nível de organização
pessoal e profissional, além do desenvolvimento do espírito inovador e criativo, confiabilidade e habilidade
comunicativa com domínio de idiomas e atualização tecnológica e científica.

As contribuições educativo- pedagógicas devem garantir ao Bacharel em Turismo:

a) formação humanista e visão global que o habilitem a compreender o meio social em seus aspectos
político, econômico, humano e cultural onde está inserido, tomando decisões em um mundo diversificado e
interdependente, orientado por valores éticos como justiça, integridade, imparcialidade e responsabilidade
profissional e social;

b) formação técnica e científica para atuar no planejamento e gestão de empresas turísticas, além de
desenvolver atividades específicas da prática profissional em consonância com as demandas mundiais,
nacionais, regionais e locais;

c) competência para analisar, avaliar e implementar alternativas inovadoras;

d) capacidade de atuação nos diferentes setores do mercado turístico, especialmente, os definidos na
proposta curricular;

e) compreensão da necessidade de contínuo auto-desenvolvimento e aperfeiçoamento, capacitando o
profissional a lidar com sentimentos e emoções de pessoas, usuárias de serviços e produtos turísticos;

f) compreensão do presente e percepção do futuro, permitindo a avaliação do Turismo como fenômeno
sócio-econômico-cultural e humano;

Considerando o “perfil do egresso”, devem ser incorporadas pelo Bacharel em Turismo competências,

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 Both comments and pings are currently closed.